Terça-feira, 12 de novembro de 2019

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Fabio de Carvalho
Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Gisele
Anúncio - Movimento Saúde

Entendas as causas e saiba como minimizá-las

Foto: Divulgação

Alergias respiratórias no verão

Publicado em 10/01/2019 às 10:38

No verão surgem as chamadas alergias sazonais, em razão do aumento da circulação de poeira - por falta de manutenção dos aparelhos de ar condicionado - e maior circulação de pólen das flores, principalmente em dias de vento e sol, além do uso de venenos contra insetos. O mesmo acontece com o acúmulo de poeira. 
 
Por isso, o pneumologista pediátrico Laerte Costa Alberton alerta que quem sofre de rinite, asma, bronquite e outros problemas respiratórios precisa ter um cuidado maior nesse período. "Quando o pólen ou poeira entra nas vias nasais, os sintomas das doenças respiratórias, como espirros, coriza, falta de ar e congestão nasal, se manifestam. Além disso, a alergia a estes aerodispersíveis também pode provocar coceira e vermelhidão nos olhos, sinais da conjuntivite alérgica", explica.
 
Já no caso das alergias provocadas por conta dos produtos químicos contidos nos venenos contra insetos, o indicado é optar pelo uso de telas em janelas e produtos menos tóxicos, como é o caso dos repelentes.
 
Ar-condicionado - Caso não seja feita limpeza periódica, ácaros, fungos e bactérias podem se concentram no aparelho. Quando ligado, os microorganismos são facilmente proliferados por todo o ambiente, provocando o surgimento de reações alérgicas. Há também o popular choque térmico. Além da rápida mudança de temperatura na transição entre ambientes climatizados e naturais, o resfriamento do ar pode afetar o trabalho e a sensibilidade da mucosa respiratória, ocasionando os sintomas. 
 
Alberton explica que nesses casos o melhor é se prevenir, fazendo a limpeza e manutenção periódica do aparelho. "É importante também intercalar períodos com o sistema ligado e desligado. Assim, minutos antes de sair do ambiente, basta desligar o ar-condicionado, para que o organismo se habitue à temperatura exterior", aconselha.
 
Buscando orientação médica - Caso os sintomas de alergia se manifestem é fundamental buscar orientação médica. Dependendo dos sintomas, também é importante fazer o Teste Alérgico, para diagnosticar se não há algum outro tipo de alergia que pode agravar as reações.

Fonte: jornaldaorla.com.br/alergiasrespiratórias

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio