Sábado, 24 de outubro de 2020

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Gisele
Anúncio - Movimento Saúde

Cardoso chega sempre de surpresa e acompanha a rotina da Casa de Apoio que recebe pacientes do Cisa-Amerios

Presidente do Cisa-Amerios e da Acispar fiscaliza Casa de Apoio Vale do Ivaí

Publicado em 05/02/2020 às 12:11 por Rosi Rodrigues

O presidente do Cisa-Amerios, presidente da Associação dos Consórcios Intermunicipais de Saúde do Paraná – ACISPAR e prefeito de Alto Piquri, Luis Carlos Borges Cardoso, fez uma visita surpresa a Casa de Apoio Vale do Ivaí, em Curitiba, na última terça-feira (3). O local hospeda pacientes e acompanhantes dos municípios consorciados que precisam de tratamentos de saúde na Capital do Estado.

Segundo Cardoso, as visitas são frequentes e o serviço tem a aprovação da maioria dos usuários.

Cardoso chegou na hora do almoço e fez a refeição junto com pacientes e acompanhantes“Faço visitas periódicas à Casa de Apoio Vale do Ivaí, sempre de surpresa. Faço as refeições junto com os pacientes e acompanhantes, verifico pessoalmente a higiene das instalações, converso com os pacientes para saber como é o atendimento dos funcionários, se não falta nada. É uma forma de fiscalizar e avaliar o serviço. Quando alguma coisa não está de acordo ou surgem reclamações, procuramos logo corrigir”, explica Cardoso.

Segundo ele, o serviço está funcionando muito bem. “A equipe está de parabéns. A Casa de Apoio está cada vez melhor. Fiscalizar e cobrar que o serviço seja prestado de acordo com todas as normas exigidas e com o que está especificado nos contratos firmados com o Cisa-Amerios e as prefeituras é parte do nosso dever como gestores”, destacou.

A Casa de Apoio é mantida com recursos oriundos de contratos com as prefeituras conveniadas e com o Consórcio Intermunicipal de Saúde – Cisa-Amerios.

“A Casa de Apoio Vale do Ivaí é uma empresa privada que presta serviços ao poder público. Fiscalizamos constantemente e exigimos o cumprimento de todos os itens contratados”, destacou Cardoso.

*ESTRUTURA

A estrutura é acolhedora e conta com 200 leitos. Recebe em média 4 mil pacientes por mês. São servidas 450 refeições ao dia, entre café da manhã, almoço e jantar. A estrutura conta ainda com refeitório, alojamento feminino e masculino, salas de TV e áreas de descanso, guarda-volumes, banheiros feminino e masculino e sete quartos individuais para o acolhimento de pacientes transplantados.Alojamento

O serviço dispõe também de transporte adaptado, com acessibilidade e conforto, para a locomoção de pacientes e acompanhantes aos locais de tratamento.

A estrutura possui 200 leitos e atende cerca de 4 mil pessoas por mêsOs serviços são prestados por 35 colaboradores, que trabalham em turnos de 12 horas, 24 horas por dia, 7 dias por semana. Além de uma enfermeira padrão, todos os colaboradores possuem curso de brigadista de incêndio e de primeiros socorros, ministrado pelo Corpo de Bombeiros.

“É importante ressaltar que se trata de um serviço de hospedagem voltado ao atendimento de pacientes e não um serviço de saúde”, diz a enfermeira padrão Aline Mocelin.

Veículo para o transporte de pacientesSegundo ela, os colaboradores são treinados e preparados para prestar apoio ao tratamento dos pacientes e, em caso de intercorrência clínica são acionados os serviços de Urgência e Emergência do SAMU.

*APROVAÇÃO

A maioria dos usuários da Casa de Apoio Vale do Ivaí dizem que estão satisfeitos com o serviços. As críticas e sugestões, segundo a direção da Casa, são utilizadas para melhorar ainda mais o atendimento.

Aparecida Tutini, de Perobal, ficou satisfeita com o acolhimento que recebeu na Casa de Apoio em Curitiba.  “Quero agradecer ao atendimento maravilhoso que tivemos aí adorei tudo recepção alimentação saudável transporte”, publicou na página oficial da Casa de Apoio Valei do Ivaí no Facebook.  (CLIQUE E CONHEÇA)

Também foi pelas redes sociais que o usuário do serviço, Roni Ribeiro, de Alto Piquiri, manifestou sua satisfação. “Já estive ai nessa casa de apoio e digo com propriedade: o tratamento é de excelente qualidade um cuidado extraordinário com pessoas que por algum motivo passam por problema de saúde. Parabéns a prefeitura por escolher um lugar tão aconchegante como essa casa de apoio”, publicou.

Algumas poucas reclamações sobre a falta de insumos ou sobre o horário do transporte dos pacientes são contestadas pela direção da Casa. “Existe sabonete liquido em todos os banheiros, sabonete e papel higiênico são repostos sempre que necessário, temos funcionários 24 horas por dia para cuidarem disso. Pelo número de pessoas que são atendidas, o transporte é feito em horários pré-estabelecidos, com várias saídas por dia. O valor repassado pelas prefeituras não é suficiente para ter um carro a disposição de cada paciente”, declarou em nota a direção da Casa.

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio