Sábado, 24 de agosto de 2019

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Gisele

Cruzeiro do Oeste entrou para a lista, onde também figuram Francisco Alves, Nova Olímpia, Moreira Sales e Cianorte, aqui da Região Noroeste.

Mais cinco cidades do Paraná enfrentam epidemia de dengue

Publicado em 23/05/2019 às 08:42 por Rosi Rodrigues

Mais cinco municípios entraram na lista dos que estão em epidemia de dengue – Peabiru, Quinta do Sol, Cruzeiro do Oeste, Paranapoema e Jacarezinho. Ao todo, já são 35 municípios nesta situação no Paraná, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado nesta terça-feira (21) pela Secretaria de Estado da Saúde.

Ao todo, 35 municípios do estado estão nesta situação no Paraná, de acordo com o boletim. A epidemia é confirmada depois que a cidade aponta, proporcionalmente, mais de 300 casos por 100 mil habitantes. Em alerta estão outros 41 municípios paranaenses; estes registram mais de 100 casos por 100 mil habitantes.

Outras cidades também em situação de epidemia no Paraná, são: Japurá, Francisco Alves, Porto Rico, Leópolis, Uraí, Lupionópolis, Arapuã, Loanda, Itambé, Santa Mariana, Terra Roxa, Alvorada do Sul, Abatiá, Flórida, Nova Londrina, Missal, Moreira Sales, Rancho Alegre, Santo Antônio do Paraíso, Anahy, Cafeara, Lindoeste, Andirá, São Pedro do Ivaí, Santa Isabel do Ivaí, Santa Terezinha de Itaipu, Paranacity, Bandeirantes, Medianeira, Nova Olímpia e Cianorte.

“Toda a população deve estar envolvida no combate à dengue. O Paraná precisa da ajuda de todos para acabar com os criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença”, alerta o secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto. Ele ressalta que 80% dos focos de mosquitos se formam nos quintais e dentro das residências, principalmente nos recipientes que acumulam água parada. “Temos que eliminar os focos para o controle da dengue, para nosso bem-estar e de nossa família”, afirma Beto Preto.

A Secretaria da Saúde segue com várias frentes de combate à dengue, promovendo ações preventivas por meio do Setor de Doenças Transmitidas por Vetores, como a capacitação de profissionais para o diagnóstico e manejo clínico da dengue.

 

DADOS - O informe epidemiológico da semana aponta 8.158 casos confirmados de dengue no Paraná. São 1.386 a mais que na semana anterior, que apresentou 6.772 casos confirmados. Os casos autóctones, contraídos na própria cidade de residência, são 7.869. E 21 municípios apresentaram autoctonia pela primeira vez. Além da dengue, até agora foram registrados 12 casos de chikungunya e quatro casos de zika no Paraná, ambas transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti.  

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio