Segunda-feira, 6 de dezembro de 2021

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - André

Semana transcorre com números relativamente baixos de Covid-19

Publicado em 20/08/2021 às 19:15 por Editoria Movimento Saúde

A semana transcorreu com números baixos em novos casos de Covid-19, com registros semelhantes ao início da pandemia. Com exceção de segunda-feira (16), que contabilizou 34 casos – referentes ao domingo e segunda –, em todos os demais dias o número máximo não passou de 18, registrado na quinta-feira (19).

Nesta sexta-feira (20), foram registrados 16 pacientes com a doença, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde.

Os números são positivos também com relação à ocupação de leitos. Segundo dados da Macrorregional de Saúde, de Maringá, nos hospitais locais com alas exclusivas para tratamento da covid, das 64 enfermarias disponibilizadas pelo SUS (Sistema Único de Saúde), 15 estão ocupadas (23%). E dos 37 leitos de UTI, 18 vagas estão ocupadas (49%).

Panorama geral

No panorama geral, em Umuarama, desde o início da pandemia de coronavírus, em março de 2020, 38.742 pessoas buscaram por atendimento médico nas unidades básicas de saúde e no Ambulatório de Síndromes Respiratórias, sendo que 15.810 casos foram confirmados, 22.138 foram descartados, 13.858 pessoas se recuperaram totalmente da doença, 1.639 estão fazendo o tratamento em suas residências e outras 793 pessoas aguardam resultados dos exames em isolamento domiciliar.

A cidade contabiliza 301 os óbitos pela doença registrados oficialmente pela Secretaria Municipal de Saúde de Umuarama.

População imunizada

Paralelamente, também cresce o número de pessoas vacinadas na cidade. O vacinômetro registrou, até esta sexta-feira, que 68.083 umuaramenses receberam a primeira dose de vacina. Outras 27.956 completaram o ciclo de vacinação com a segunda dose. E 2.577 receberam a vacina de dose única.

A aparente tranquilidade, no entanto, não significa que os cuidados possam ser negligenciados. Segue a orientação de constante higienização das mãos, uso de máscara e distanciamento seguro para evitar a proliferação do vírus, principalmente frente aos novos casos das variantes LAMBDA e Delta, registradas no Paraná.  

 

Fotos: PMU

 

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio