Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Gisele
Anúncio - Movimento Saúde

Recurso de R$ 200 mil é destinado para custeio do Instituto Nossa Senhora Aparecida

Publicado em 13/05/2020 às 14:19

Uma emenda parlamentar do deputado federal Rubens Bueno destinou R$ 200 mil para despesas de custeio de média e alta complexidade no Instituto Nossa Senhora Aparecida de Umuarama. A notícia, divulgada na manhã desta quarta-feira (13), foi comemorada pela direção do hospital, que enfrenta dificuldades desde que começaram as restrições em prevenção ao Coronavírus Covid-19 e procedimentos, cirurgias e outros atendimentos eletivos de rotina foram todos cancelados. O recurso já está liberado.

“Estamos atravessando um momento ímpar em todos os serviços de saúde do país. Hospitais como o nosso, que atendem majoritariamente pacientes do SUS para o tratamento de doenças graves, de alta complexidade, precisam de um olhar especial dos nossos representantes e de recursos para a manutenção dos serviços e atendimento à população durante esta crise”, disse o presidente do Instituto Nossa Senhora, o médico Dr. Luis Carlos Denerusson.

A direção do Instituto agradeceu ao deputado Rubens Bueno, que conseguiu o recurso através da Emenda Parlamentar Impositiva nº 18760009. Esse tipo de emenda consta Lei Orçamentária do Congresso Nacional e tem como finalidade o incremento temporário ao custeio dos serviços de média e alta complexidade. “E veio na hora certa”, ressaltou Denerusson.  

O Instituto Nossa Senhora Aparecida é credenciado pelo Sistema Único de Saúde – SUS para realizar procedimentos de Alta Complexidade em Cirurgia Cardíaca e Cardiologia Intervencionista. Em 2019 realizou mais de 41 mil procedimentos pelo SUS, 1.144 procedimentos de hemodinâmica (cateterismo cardíaco) e 243 cirurgias cardíacas. Em média, antes da Pandemia do Covid-19, eram realizadas 30 cirurgias cardíacas por mês no hospital de Umuarama.

Para o deputado Rubens Bueno, o recurso deve ajudar a implementar diversas ações na área e reforçar o atendimento da população. “Especialmente neste momento em que vivemos uma grave crise sanitária devido a pandemia do novo coronavírus, este recurso será muito bem aplicado, sempre em benefício daqueles que mais necessitam da saúde pública", destacou.

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio