Sábado, 24 de agosto de 2019

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Gisele

Os pacientes são atendidos e acompanhados por uma equipe multiprofissional

Idosos da região recebem atendimento personalizado no Cisa-Amerios

Publicado em 29/05/2019 às 22:11 por Rosi Rodrigues

O Consórcio Intermunicipal de Saúde – Cisa-Amerios, através do Ambulatório do Idoso Frágil, presta atendimento personalizado a idosos cujas condições de saúde exigem cuidados especiais. Os pacientes são atendidos e acompanhados por uma equipe multiprofissional, com médico, enfermeira, psicóloga, nutricionista, farmacêutica, assistente social e fonoaudióloga.

“São pacientes que se encaixam no MACC – Modelo de Atenção às Condições Crônicas preposto pelo Ministério da Saúde, explica a assistente social Elizabeth de Souza Carvalho Gomes, responsável pelo programa.  

Os pacientes são cadastrados nas Unidades de Saúde dos municípios onde residem. Os profissionais devem aplicar o  IVCF – Índice de Vulnerabilidade Clínico-Funcional, para analisar sua situação clínica.  Para se enquadrar ao MACC são considerados fatores como: doenças pré-existentes, habilidades físicas, cognitivas e sociais, condições sócio-econômicas e culturais, entre outras. 

Depois de cadastrado e avaliado o paciente é enviado para o Ambulatório do Idoso do Cisa-Amerios, em Umuarama, onde a equipe multidisciplinar se reúne uma vez por mês para o atendimento aos paciente estratificados nos municípios.

O paciente passa então a ser acompanhado através de um Plano de Cuidados personalizado.

“O trabalho é integrado entre as equipes das Unidades de Saúde dos municípios consorciados, que estão permanentemente em contato com os especialistas do Cisa-Amerios, trocando informações procurando realizar o tratamento de forma conjunta”, destacou a assistente social.  

A identificação, cadastramento, estratificação de risco e monitoramento do plano de cuidado das redes dos hipertensos, diabéticos e idosos de alto risco foi padronizado em todos os municípios consorciados ao Cisa-Amerios. “Estamos seguindo uma instrução pontual do Ministério da Saúde,  buscando ofertar atenção integral,  a fim de melhorar a saúde e a qualidade de vida desses grupos de pacientes”, destacou o coordenador do Cisa-Amerios, Nilson Manduca

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio