Sábado, 17 de novembro de 2018

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Fabio de Carvalho
Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Renilde

Foto: Movimento Saúde

Alunos do curso técnico em enfermagem participam estágio no Corpo de Bombeiros

Publicado em 25/05/2018 às 15:29

Alunos do Curso Técnico em Enfermagem do Colégio Estadual Ilda T. Kamal participaram de um treinamento no 6ª Subgrupamento do Corpo de Bombeiro de Umuarama, na tarde de quinta-feira (24). O objetivo é orientar os futuros profissionais de saúde sobre como receber um paciente encaminhado pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência –SIATE.

Uma das principais recomendações é quanto a imobilização do paciente. “Os socorristas seguem uma série de protocolos para a imobilização do paciente. Se o profissional que o receber no hospital não estiver ciente desses protocolos, pode prejudicar o mesmo, provocando o agravamento de lesões. A retirada do colete cervical, por exemplo, deve ser feita com todos os cuidados e seguindo as técnicas recomendas”, disse o 3º Sargento Valdivino que instruiu os alunos.

De acordo com a professora de estágio, a enfermeira Paula Cabral, a integração com os profissionais que realizam o socorro às vítimas faz parte do currículo do Curso Técnico de Enfermagem.

“Esses estágios são muito importantes, pois os alunos vivenciam na prática o que até então viram na teoria durante o curso”, disse. Segundo ela, além do Corpo de Bombeiros, os alunos participam de estágios no SAMU 193 e no Pronto Atendimento Municipal.

Para a aluna Viviane da Silva Coelho, de 29 anos, o treinamento foi esclarecedor. “A experiência foi ótima e muito rica. Aprendemos as técnicas para receber um paciente imobilizado e como proceder para a retirada de equipamentos como tiras de amarração e coletes cervicais, por exemplo”.

A aluna Viviane da Silva Coelho, de 29 anos, acredita que os estágios são a parte mais importante do curso. “O conhecimento na teoria é importante, mas quando chegamos aqui e vivemos a parte prática do que vimos em sala de aula, é gratificante”, disse.

De acordo com o soldado Lucas, a corporação está sempre de portas abertas para trocar informações e dar treinamentos aos profissionais de saúde. “Basta entrar em contato com o comando e agendar”, explica o bombeiro.

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio