Terça-feira, 5 de julho de 2022

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - André
Anúncio - INSTITUCIONAL

Umuarama está em primeiro lugar na atenção primária à saúde

Publicado em 08/06/2022 às 13:34 por Editoria Movimento Saúde

Umuarama desponta em primeiro lugar entre as cidades com mais de 100 mil habitantes do Paraná na avaliação do Programa Previne Brasil, sobre o atendimento da atenção primária em saúde (APS). O programa objetiva estruturar um modelo de financiamento focado em aumentar o acesso das pessoas aos serviços da atenção básica e verifica o vínculo entre a população e as equipes, com base em mecanismos que induzem à responsabilização dos gestores e profissionais pelas pessoas que assistem.

O secretário municipal de Saúde, Herison Cleik da Silva Lima, informou que os indicadores de Umuarama têm evoluído desde o início do programa. “Chegar ao topo da qualidade no atendimento entre as maiores cidades do Estado é gratificante. Mostra os esforços acertados da nossa equipe, resultado de um longo trabalho que representará incremento nos repasses do Ministério da Saúde”, avaliou.

O ranking do Previne Brasil é definido com base no Indicador Sintético Final (ISF), que determina o valor do incentivo financeiro a ser transferido ao município. O índice corresponde ao cálculo do desempenho do conjunto dos sete indicadores, aferido a cada período de quatro meses, com repercussão financeira para o quadrimestre subsequente, conforme o manual do programa.

O repasse de transferências do Ministério da Saúde aos municípios passa a ter como base critérios como captação ponderada, pagamento por desempenho, incentivo para ações estratégicas e incentivo financeiro com base em critério populacional.

Os sete indicadores avaliados são as proporções de gestantes com seis ou mais consultas pré-natais até a 12ª semana; gestantes com exames para sífilis e HIV; gestantes com atendimento odontológico; mulheres com coleta de citopatológico na atenção primária; crianças de um ano vacinadas na APS contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B, infecções causadas por Haemophilus influenzae tipo B e poliomielite inativada; hipertensos com consulta e pressão arterial aferida no semestre; e diabéticos com consulta e hemoglobina glicada solicitada no semestre.

“Nosso resultado na avaliação de atendimentos (qualitativa e quantitativa) feita pelo Ministério da Saúde, com indicadores da atenção básica (unidades básicas de saúde) dentro do Previne Brasil, nos deixou imensamente felizes e satisfeitos”, apontou o prefeito Hermes Pimentel. A cidade ocupou a 52ª colocação na classificação geral, com ISF 8,03%, e foi primeiro lugar entre as cidades acima de 100 mil habitantes.

No comparativo com os grandes centros do Paraná, Curitiba foi 4º lugar, Cascavel ficou em 5º, Toledo em 9º, Londrina ocupou a 15ª colocação e Maringá aparece em 19º. Do terceiro quadrimestre de 2021 para o primeiro deste ano, o ISF de Umuarama melhorou 15,5%, passando de 6.95% para 8.03%. Entre os 5.568 municípios brasileiros, a Capital da Amizade aparece no 935º lugar.

A avaliação iniciou no último quadrimestre de 2020. “Umuarama sempre esteve no ‘roda pé’ do Estado, chegando a ocupar o 397º lugar no primeiro quadrimestre de 2021. Com muito trabalho e gestão alcançamos, no primeiro quadrimestre de 2022, o 1º lugar no Paraná em nova faixa populacional. Isso nos motiva a seguirmos tentando melhorar o atendimento e compartilhando com toda população o bom desempenho do nosso município”, completou o secretário Herison Cleik.

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio