Segunda-feira, 16 de maio de 2022

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - André
Anúncio - INSTITUCIONAL

Brasil é o terceiro país que mais aplica doses de reforço na população

Publicado em 16/03/2022 às 10:57 por Editoria Movimento Saúde

Brasil é o terceiro país no mundo que mais aplica doses de reforço na sua população, segundo a plataforma Our World in Data, tecnologia vinculada à Universidade de Oxford. Atrás apenas da China e dos Estados Unidos, o País chegou a esta quarta-feira (16) a 60,5 milhões de doses de reforço aplicadas, o que corresponde a 37,8% da população acima de 18 anos, público-alvo desta etapa da campanha.

O Ministério da Saúde reforça a importância da dose de reforço, uma vez que pesquisas revelaram um aumento significativo na imunidade de pessoas que tomaram uma terceira dose no braço. Uma pesquisa encomendada pela Pasta, em parceria com a Universidade de Oxford, apontou que a estratégia adotada para esta etapa da campanha amplia ainda mais a imunidade contra a Covid-19, especialmente na população idosa.

Entre o público maior que 60 anos, mais de 67% tomou a dose de reforço contra a Covid-19. Já entre os idosos com idade de 70 a 74 anos, a cobertura vacinal é de cerca de 75%. “É importante que todos tomem a dose de reforço, pois esta etapa da campanha aumenta consideravelmente a proteção contra a Covid-19. O Governo Federal adquiriu doses suficientes e o Ministério da Saúde distribuiu a todos os estados e ao Distrito Federal. Não faltou vacina”, contou o ministro Marcelo Queiroga.

Com o avanço na vacinação, o Brasil assiste a um cenário pandêmico mais arrefecido. Atualmente, a situação epidemiológica no País mostra tendência de queda de 40% na média móvel de casos e de 35% na média móvel de óbitos, em comparação com os últimos 14 dias. Atualmente, 91% da população acima de 12 anos tomou a primeira dose da vacina, 84,6% desse mesmo público completou o esquema vacinal.

Fonte: Ministério da Saúde

Fotos: MS/Divulgação

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio