Segunda-feira, 2 de agosto de 2021

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - André

Atenção à agenda de consultas e ao calendário de vacinação.

Negligenciar com a saúde também é violência

Publicado em 16/06/2021 às 11:04 por Editoria Movimento Saúde

O dia 15 de junho é dedicado à conscientização mundial sobre as agressões praticadas contra a pessoa idosa.
As violências mais comuns são arranhões, beliscões, tapas, socos e afins; Violência sexual, caracterizada pelo uso da força para praticar atos sexuais; Violência patrimonial, que consiste no uso não consentido de recursos financeiros e bens; Violência psicológica, que corresponde a agressões verbais, menosprezo e discriminações.

Mas um tipo de violência, que foge um pouco da caracterização, requer atenção: a negligência, que consiste, entre outras coisas, à privação de medicamentos, descuido de higiene, abandono, enfim, cuidados com a saúde e bem-estar da pessoa idosa. 
Nesse sentido, os familiares ou cuidadores devem ficar atentos à agenda de consultas médicas do idoso e ao calendário de vacinação.

Vacina contra Influenza
As baixas temperaturas, típicas do inverno, favorecem a ocorrência de gripes e resfriados, que mal cuidados, podem evoluir para uma pneumonia. 
Os principais sintomas da gripe são: febre, dor de garganta, tosse, dor no corpo e dor de cabeça.
Quase sempre, os idosos apresentam febre, sem outros sintomas, mas em geral, a temperatura não atinge níveis tão altos.
A vacina contra a contra a gripe (Influenza) está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Umuarama para pessoas acima de 60 anos. Para receber a imunização, as pessoas devem se dirigir às UBS Industrial, Cohapar II, Sonho Meu e Jardim Lisboa.


Vacina contra a covid-19
A grande preocupação no momento é a pandemia, e os idosos fazem parte do grupo prioritário para vacinação contra a covid-19. 
Em Umuarama, seguindo o calendário da Secretaria Municipal de Saúde, já foram vacinados idosos com idades a partir de 60 anos a 90 anos ou mais. Mas mesmo que a faixa etária já tenha avançado, as pessoas que ainda não foram imunizadas devem procurar as unidades básicas de saúde e, obedecendo as orientações do Plano Nacional de Imunização, tomar as duas doses da vacina contra o coronavírus.
Não negligencie com a saúde do idoso. Permita que ele tome a vacina!


Denúncia de maus tratos
No Paraná, para denunciar maus tratos a idosos, a Secretaria da Segurança Pública disponibiliza o Disque Denúncia pelo 181 e pelo site.
Só este ano, de janeiro a maio, foram registradas 653 denúncias de maus-tratos e violência contra idosos. São 25 a mais que o mesmo período de 2020, quando foram feitas 628 notificações pelo mesmo serviço. 
O artigo 19 do Estatuto do Idoso prevê que, em caso de suspeita ou confirmação de violência praticada contra idosos, deve ser feita a notificação compulsória pelo serviço de saúde, público ou privado, às autoridades competentes, que pode ser, autoridade policial, Ministério Público, Conselho Municipal do Idoso, Conselho Estadual do Idoso e Conselho Nacional do Idoso.

 

Movimento Saúde

Fotos: PMU

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio