Quarta-feira, 14 de novembro de 2018

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Fabio de Carvalho
Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - Renilde

Médico urologista Italo Fioravanti chama a atenção para a importância da prevenção

Estilo de vida saudável ajuda a prevenir o câncer de próstata

Publicado em 30/11/2017 às 08:27 por Rosi Rodrigues

Ter um estilo de vida saudável, com atividade física regular, boa alimentação e exames preventivos são atitudes que ajudam a manter a saúde e prevenir uma série de doenças, entre elas, o câncer de próstata.

De acordo com o médico urologista Dr. Italo Fioravanti (CRM 17.289), mesmo sendo considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos, os cuidados para preveni-lo devem começar o quanto antes. 

“Exames preventivos e visitas regulares ao médico devem ser feitos pelo menos uma vez por ano. A partir dos 50 é hora de começar a realizar anualmente o exame de PSA - Antígeno Prostático Específico, que pesquisa câncer de próstata em homens assintomáticos”, recomenda o especialista.

Já o exame de toque retal, tão rodeado de preconceito, é indispensável para diagnosticar o câncer de próstata precocemente. É feito pelo médico urologista no próprio consultório e também deve ser iniciado após os 50 anos.

“O exame de toque e o PSA são complementares. Entre 10% e 20% dos casos de câncer de próstata não são diagnosticados somente com o exame de sangue”, ressalta o médico.

Hereditariedade

Quando há casos de câncer de próstata na família, os exames preventivos devem começar ainda mais cedo. De acordo com o INCA, cerca de 25% dos casos podem estar relacionados a hereditariedade. “O homem que tem casos na família, especialmente com pai, tio ou irmãos, devem procurar o urologista o quanto antes”, alerta o médico.

Atividade física e boa alimentação

Nadar, andar de bicicleta, fazer musculação, ginástica, correr e até mesmo praticar uma arte marcial, tudo vale quando o assunto é se mexer.

Segundo o Dr. Italo, é importante fazer uma atividade que a pessoa goste realmente, onde sinta prazer, para que consiga dar continuidade.

“Alguns pacientes relatam que começam a fazer academia, por exemplo, e em pouco tempo abandonam. Talvez a característica dele seja para um esporte ao ar livre, a corrida ou o futebol”, conta.

Uma dieta rica em frutas, legumes, nozes, peixes e cereais integrais é indispensável para uma vida saudável. Vale frisar que devemos evitar o abuso de bebidas alcoólicas e ficar longe de maus hábitos como cigarro e drogas.

Para o médico, nunca é tarde para mudar o estilo de vida. “Em qualquer idade, começar a praticar atividade física é sempre bom. O ideal é ter o acompanhamento de um profissional de educação física e, no caso de idosos, passar antes por uma avaliação com seu médico”, recomenda.

O que é câncer de próstata?

O câncer de próstata se caracteriza como consequência da transformação de células da próstata de forma anormal, podendo, assim, se espalhar por todo o órgão e, em casos mais graves, até mesmo fora dele.

A próstata é uma glândula pertencente ao aparelho reprodutor masculino e está localizada logo abaixo da bexiga e na frente do reto e da uretra. Como todo órgão possui várias células em seu composto, com a próstata não seria diferente. Porém, mesmo diante disso, a maioria dos casos de câncer de próstata tem início nas glândulas responsáveis por produzirem parte do líquido seminal (sêmen), que protege e nutre os espermatozóides.

Na maioria das vezes, o tumor cresce de forma lenta e estima-se que cerca de 80% dos pacientes com mais de 80 anos que morreram por conta de outros problemas, nem sabiam que tinham o câncer em seu organismo. Por outro lado, em outros casos, o câncer se desenvolve e se prolifera de maneira muito rápida.

Dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA) informam que o câncer de próstata é o segundo mais comum tipo de câncer entre os homens brasileiros, ficando atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. Segundo o INCA, mais de 61 mil casos foram diagnosticados ao longo do ano passado. Com relação aos números de mortes causados por câncer, o de próstata está na segunda posição a primeira é ocupada pelo câncer de pulmão.

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio