Sexta-feira, 12 de agosto de 2022

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - André
Anúncio - INSTITUCIONAL

Quem falta à consulta médica toma o lugar de quem realmente precisa de atendimento

Publicado em 01/07/2022 às 15:54 por Editoria Movimento Saúde

De acordo com a Prefeitura de Umuarama, apenas no primeiro semestre de 2022, nada menos que 3.759 pacientes não compareceram para realizar consultas médicas com especialistas na rede de atendimento do SUS (Sistema Único de Saúde), por meio da Secretaria Municipal de Saúde de Umuarama. O recorde de ausências está na ortopedia – com 737 faltas. Em segundo lugar vem a cardiologia, com 610, e a psiquiatria, com 496. Foram realizadas 22.186 consultas com especialistas neste período e a taxa de ausência fica em 17%. No CEM - Centro de Especialidade Médicas de Umuarama, o índice é ainda maior: cerca de 30% de ausências nas consultas com especialistas

A diretoria municipal de Saúde, Simony Rodrigues Bernardelli Rosa destaca que, além de privar outras pessoas de terem recebido atendimento médico, as faltas geram prejuízos a toda a comunidade. “O problema de faltar na consulta não é somente de quem agendou ou ao serviço de saúde, mas para toda a comunidade, pois ao liberar a vaga, outro paciente que estava na fila poderia ter sido atendido. Além do mais, a pessoa que falta volta para a final da fila, o que torna a espera pela consulta ainda maior, podendo atrapalhar o tratamento”, observa.

Simony relata que quando o paciente não pode ir ao hospital, clínica etc. e comunica essa impossibilidade em sua UBS (Unidade Básica de Saúde), ele tem a vantagem de poder remarcar a consulta com maior antecedência – sem ir para o fim da fila – e ainda permite que outro paciente possa adiantar a vez.

Ela destaca ainda que esse ‘balanço de ausências às consultas’ leva em conta o total de agendamentos realizados tanto para o CEM (Centro de Especialidades Médicas) quanto para as clínicas conveniadas. “Mas se considerarmos apenas as faltas registradas no CEM, o índice de consultas perdidas é ainda maior: de 30%. Se as pessoas se conscientizassem, com certeza o atendimento de especialidades poderia melhorar muito”, pontua.

A diretora acrescenta ainda que é muito fácil comunicar que não poderá ir à consulta: pode ser por telefone, pessoalmente e pode até ser pedindo para um parente ou amigo ir até a UBS avisar. “Sabemos que imprevistos podem ocorrer e impedir a presença no dia marcado, mas quando isso acontecer, o paciente deve avisar a Secretaria de Saúde pelo menos um dia antes, para que outra pessoa possa ocupar essa vaga”, orienta.

 


 

ESPECIALIDADES COM MAIS FALTAS

Ortopedia

737

Cardiologia

610

Psiquiatria

496

Urologia

332

Dermatologia

305

Endocrinologista

196

Pneumologia

178

Neurologia

174

Oftalmologia

167

Alergista

119

Otorrinolaringologia

97

Coloproctologia

75

Nefrologia

73

Gastro

56

Neuropediatria

51

Angiologia

43

Reumatologia

27

Hematologia

14

Infectologia

9

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio