Terça-feira, 5 de julho de 2022

(44) 2031-0399

(44) 9 9907-2342

Anúncio - Dr Ronaldo
Anúncio - André
Anúncio - INSTITUCIONAL

Homofobia e discriminação são verdadeiras doenças crônicas

Publicado em 17/05/2022 às 14:25 por Editoria Movimento Saúde

O preconceito e a discriminação são verdadeiras doenças crônicas. Muitas têm causas profundas, enraizadas na própria cultura familiar, hábitos e nos exemplos gerados pelos grupos sociais aonde as pessoas, não raro, são “mal” educadas para a vida.

Exercitar a tolerância, respeito e empatia são verdadeiros remédios para todo tipo de preconceito e discriminação.

Está lançado o movimento pelo fim de todo tipo de preconceito e discriminação. Hoje, 17 de maio, quando é celebrado o Dia Internacional de Combate à Homofobia, Transfobia, Bifobia e Intersexofobia, ou IDAHOBIT – reforçarmos nosso compromisso de defender os direitos humanos, enfrentando o discurso de ódio, a violência e a discriminação.

Em 2022, a Campanha Global #IDAHOBIT reforça o lema “Nossos Corpos, Nossas Vidas, Nossos Direitos”. É importante enfatizarmos que o enfrentamento à LGBTIfobia e a proteção dessas vidas, desses corpos e direitos requerem ação e redes de apoio.
A Campanha da ONU Livres & Iguais (@free.equal) reivindica a importância das famílias LGBTI, sejam as formadas diversamente pelas pessoas LGBTI, aquelas que acolhem familiares LGBTI e aquelas que são escolhidas como abrigo e apoio para quem foi distanciado ou teve de se distanciar por discriminação.

Nesse sentido, o ACNUDH (@onuderechoshumanos) e o UNV (@unvbrasil) propuseram algumas ações que você pode fazer hoje e sempre para defender os direitos humanos de pessoas LGBTI, combater o discurso de ódio e a discriminação e fazer parte de uma rede voluntária de pessoas que acolhem e promovem a diversidade. O Movimento Saúde apoia esta causa.

Anúncio - Dra Marlene
Anúncio - Dr Antonio